quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

O Antigo "Matadouro de Pedras Brancas" em Guaíba (RS)

 
A cidade de Guaíba ficou em evidência desde a inauguração do "Catamarã" que faz a ligação hidroviária entre o município e Porto Alegre.

Bem em frente ao desembarque deste transporte um prédio histórico chama atenção dos transeuntes. Trata-se do antigo matadouro municipal de Porto Alegre, quando o local era conhecido como distrito de Pedras Brancas.

O prédio mais tarde serviu como Mercado Público, uso que ficou consolidado na memória coletiva do local. Hoje encontra-se abandonado, tendo recebido recentemente uma demão de tinta branca na fachada.

Fonte da imagem: BUCCELLI, Vittorio. Un viaggio a Rio Grande del Sud (1906)

4 comentários:

  1. O Município de Guaíba está providenciando sua restauração, e irá dotá-lo de equipamentos voltados ao laser e cultura.
    A aparência é sim de abandono, todavia, tal situação se dá em virtude de que o prédio ainda consta como "pertencente", legalmente (documentos oficiais), ao Município de Porto Alegre. No momento que se emancipou de Porto Alegre, o Distrito de Pedras Brancas (atual Guaíba), o então matadouro Municipal (de POA), ainda permaneceu municiando de "carne verde" (carne fresca) "oficialmente" o Município de POA. Com o advento da Constituição de 88, e mais precisamente com a Lei se Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar 101), esta Lei passou a exigir que os administradores investissem somente em próprios pertencentes ao município: a tal jurisdição administrativa e (também) orçamentária/financeira. Não pode, por exepmplo (sem lei que autorize convênio com o Governo Federal), Canoas resolver fazer investimentos na BR 166, pois estaria colocando recursos exclusivos de Canoas em uma área de competência (exclusiva) de um outro ente (União).
    Quando o Município de Guaíba buscou recursos e parcerias para o restauro - e inclusive o iniciou - , constatou-se os impedimentos citados. Mas em breve a Administração retomará, com êxito, o restauro deste importante prédio histórico, tanto para a História de Guaíba como também da Capital.

    ResponderExcluir
  2. Não nessa administração, isso é certo.

    ResponderExcluir
  3. Antes de ser mercado público o prédio serviu para oficina mecânica da secretaria de obras.

    ResponderExcluir
  4. Gostei . Vou pesquisar mais sobre isso . Sucesso pra você .

    ResponderExcluir